Mitos e verdades sobre o macarrão



Descubra qual tipo de macarrão é menos calórico e veja como deixá-lo ainda mais saboroso

macarrao-perfeito

A famosa macarronada de domingo é um dos pratos mais tradicionais na mesa das famílias. Espaguete, talharim, parafuso e penne são alguns dos tipos mais consumidos pelos brasileiros. E se você também é apaixonado por massa, conversamos com Elodia Avila,  médica especializada em ortomolecular, para desvendar mitos e verdades sobre  o prato. Confira!

Macarrão integral engorda menos que o macarrão normal?

VERDADE!  “O macarrão integral é um carboidrato complexo, rico em fibras, o que prolonga a sensação de saciedade e possui boa quantidade de nutrientes. O açúcar leva mais tempo para ser digerido e é em menor quantidade do que o macarrão branco, pois há fibras que limitam a sua absorção. Contem nutrientes como: vitamina B, cálcio, ferro e magnésio”, explica Elodia.

A massa, independente do tipo, engorda?

VERDADE  “Geralmente o prato de macarrão contem 3 porções, o que equivale a 600 calorias. Portanto, nessa quantidade, engorda. Geralmente o molho de acompanhamento é muito rico em óleos industrializados, manteigas ou gorduras vegetais, podendo dobrar o número de calorias. Mas se você preparar um prato saudável com macarrão integral em quantidade moderada e acompanhar com molhos feitos a base de vegetais, legumes ou peixes, poderá comer tranquilamente sem prejudicar a sua dieta”, indica a nutricionista.

Sem-Título-1Para a massa ficar solta, é necessário adicionar óleo durante o cozimento?

MITO! “As boas massas são as que ficam soltas apenas cozidas em grande quantidade de água fervente. Se for necessário acrescentar óleo ao cozimento, essa massa terá um maior índice glicêmico e isso acaba engordando. O macarrão integral pode ser uma boa opção, pois apresenta índices glicêmicos baixos. Quanto menor o tempo de cozimento, mais baixo será esse índice, ou seja, menor será a capacidade de aumento dos níveis de açúcares no sangue. Portanto, dê preferência ao macarrão de grano duro e sirva-o “al dente”, pois o tempo de cozimento será menor e não necessitará de óleos à sua fervura. O ideal é que ele fique pronto de 6 à 8 minutos”, comenta Elodia.

Diabéticos não podem comer macarrão?

MITO.  “Os carboidratos são essenciais à manutenção da vida, e não podem ser banidos da dieta. Diabéticos devem ter uma alimentação balanceada e evitar os açúcares simples. Podem comer macarrão, respeitando a quantidade, dando preferência ao tipo integral e acompanhar com molhos saudáveis, não calóricos e ricos em nutrientes”, explica a especialista.  Mas vale lembrar que antes de consumi-lo, verifique com seu nutricionista para que ele indique a melhor quantidade do carboidrato.

Macarrão de farinha branca é menos nutritivo?

VERDADE. “Macarrão branco é composto por carboidratos simples e vira açúcar rapidamente no organismo. Também tem fácil digestão, pois não é rico em fibras. Por isso é considerado um carboidrato vazio e que não nutre”, finaliza Elodia.

 

 

Tags:         


Conteúdo ofererecido por:


Você Gostou?



Veja Mais Assuntos Relacionados